fbpx
Fatos_blog
Conteúdos Paco,  Paco na Imprensa

Pós-graduação brasileira tem maioria feminina na UFLA

Em 11 de fevereiro, é celebrado o Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência. A data foi declarada pela ONU em 2015, para incentivar a igualdade de direitos entre homens e mulheres, particularmente, do ponto de vista educacional. No Brasil, elas representam 54,2% dos 395.870 matriculados em cursos stricto sensu.  Dos beneficiários da CAPES com bolsas no País, 58% são mulheres.

A notícia publicada pela Capes, tem predominância parecida na Universidade Federal de Lavras (UFLA). Segundo dados da Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG), a Universidade tem 56,9% de mulheres matriculadas nesses cursos. 

Ianca Oliveira Borges é pesquisadora de mestrado em Engenharia de Biomateriais, com bolsa do Programa de Demanda Social da Fundação, na Ufla. Para ela, o papel da CAPES é fundamental para pesquisas como a sua. Ela reforça a importância da inserção das mulheres no meio acadêmico e nos programas de pós-graduação, que é intensificada pelos incentivos e bolsas que ajudam a produzir e divulgar as pesquisas: “É de suma importância a inserção das mulheres na ciência. Elas são essenciais no meio acadêmico e possuem um papel crucial, trazendo avanço de ideias inovadoras e criativas para diversas áreas científicas”.

No Portal da Ciência/UFLA é possível conferir um artigo das professoras do Instituto de Ciências Exatas e Tecnológicas (Icet/UFLA) Amanda Castro Oliveira e Evelise Roman Corbalan Gois Freire. Com gancho na data, elas promovem uma reflexão sobre o estímulo à participação feminina nos avanços científicos e tecnológicos.

Fonte: Portal UFLA

Gostou? Clique aqui para mais informações.

Fundada em 2009, é uma editora voltada para a publicação de conteúdos científicos de pesquisadores; conteúdos acadêmicos, como teses, dissertações, grupos de estudo e coletâneas organizadas, além de publicar também conteúdo técnico para dar suporte à atuação de profissionais de diversas áreas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.