fbpx
Institucional

CONFIRA OS LIVROS MAIS VENDIDOS DA PACO

Quer começar uma nova leitura? Então nós podemos te ajudar! Preparamos uma lista com os livros mais vendidos em nosso site:

Este livro aborda o tema de habilidades sociais na infância de forma divertida, para que possa ser utilizado de forma efetiva por famílias ao educar suas crianças. O cuidado com o desenvolvimento de habilidades de convivência é muito importante para o sucesso futuro, e para a saúde física e mental do indivíduo.

Autoras e organizadoras: Ana Paula Casagrande Silva; Zilda Aparecida Pereira Del Prette; Almir Del Prette – Ano de publicação: 2013 Área: Psicologia.

Educação Popular (também) como processo de contínua reinvenção de práticas e reflexões político-educativas; Um breve recorte do cenário discursivo atual na América Latina: aspectos sociopolítico, econômico, educacional, de gênero e étnico-racial; O discurso pela refundamentação e vigência da educação popular no lugar internacional do Crefal e Ceaal; A concepção de educação popular na América Latina; Educação popular: da superação das antigas lentes de leitura de mundo à vigência do status de paradigma alternativo frente à lógica do capitalismo global; A educação popular, a valorização dos seres humanos e a sua opção pelas classes populares; Paulo Freire e a educação popular; Educação popular e a valorização da sua experiência acumulada; Para Concluir: A educação popular no Brasil: questões atuais.

Autor: Eduardo Jorge Lopes Da Silva – Ano de publicação: 2016 Área: Educação.

 Apresenta uma abordagem contemporânea sobre a arte da palhaçaria, fundamentado por uma pesquisa na qual teoria e prática convergem para um método que contribui para o aperfeiçoamento de todos os interessados no assunto: alunos de graduação e pós-graduação em artes cênicas, atores e pesquisadores de circo e teatro, além de profissionais da educação e demais áreas afins. Nesta obra, diferentemente de outras que abordam essa temática, a autora traça de forma didática, lúdica e poética um roteiro que vai desde o seu percurso pessoal, passando pelo processo de elaboração e refinamento do clown, até a criação da técnica ritual única à iniciação em uma das mais antigas tradições cômicas da humanidade. Ao fazer uso de uma escrita descomplicada que envolve, fascina e conduz com maestria o leitor, Ana produz um material eloquente, tratando de relações simbólicas e artísticas que dão forma a uma tessitura pedagógica até então inédita no Brasil e que é oferecida ao público pela Paco Editorial. (Luciano Pfeifer, professor do Mackenzie de Campinas/SP)

Autor: Ana Elvira Wuo – Ano de publicação: 2019 Área: Artes e Fotografia

Este livro constrói um retrato da Educação Profissional no Brasil, tomando como ponto de partida as relações e tensões entre trabalho, escola e profissionalização, vistas de uma perspectiva histórico-sociológica. Faz uma breve recuperação histórica das concepções e práticas que marcaram o desenvolvimento da Educação Profissional na sociedade brasileira, desde o período da colonização até nossos dias, com destaque para as políticas públicas gestadas durante os governos de Fernando Henrique Cardoso (1995-2003) e Luiz Inácio da Silva, Lula (2003-2011). Tais políticas promoveram mudanças no sistema escolar brasileiro, instituindo novas formas de colaboração com setores da sociedade civil (sindicatos, associações comunitárias, organizações não governamentais) e redefinindo responsabilidades no campo da execução, gestão e financiamento.

Autor: Silvia Maria Manfredi- Ano de publicação: 2016 Área: Educação

O Manual Jurídico da Escravidão apresenta de forma simples e sistematizada, mas não superficial, a estrutura do instituto jurídico da escravidão dos negros no Brasil durante o século XIX e responde inúmeras questões, dentre elas: Quando se iniciou a escravidão no Brasil? O escravo era uma coisa ou uma pessoa? Ele poderia ser processado criminalmente? Seria possível o cativo adquirir patrimônio ou ter uma família? Poderia o proprietário aplicar uma penalidade de morte? O escravo era cidadão do Império? A sociedade brasileira tinha medo dos escravos? Os escravos aceitavam passivamente o seu cativeiro? Existia um Código Negro no país? Como poderia obter judicialmente a sua liberdade? O que foi a lei para inglês ver? Como o tráfico de escravos se encerrou? Quem eram os feitores e os capitães do mato? A Lei Áurea realmente extinguiu a escravidão? O Manual revela as dimensões de um inferno construído sob a forma de sistema produtivo, que destruiu sociedades e exterminou milhões de indivíduos, em umBrasil totalmente diferente do nosso, onde esse fruto da maldade humana era elemento constituinte da paisagem. A obra é, acima de tudo, um inédito olhar sobre o sombrio universo da escravidão.

Autor: André Emmanuel Batista Barreto Campello- Ano de publicação: 2018 Área: Direito

Como será o passado? História, historiadores e a Comissão Nacional da Verdade nos conecta com as complexas tramas que conformam a memória social acerca da ditadura no Brasil. A obra descortina o processo de criação da Comissão Nacional da Verdade e a elaboração de seu Relatório Final, ao mesmo tempo em que discute sobre os usos políticos do passado e os fazeres e práticas dos historiadores. Assim, problematiza as múltiplas temporalidades que envolvem os debates acerca da experiência ditatorial e da própria CNV. Caroline Silveira Bauer aborda o tema de forma ética e sensível, furtando-se de caminhos fáceis e privilegiando perguntas em detrimento de respostas. Reside aí sua maior qualidade: a habilidade de nos interpelar com tantos e tão vigorosos questionamentos. Ela nos conduz ao exercício da reflexão e oferece as ferramentas para tal, a partir de um diálogo que articula a História com o Direito, a Psicanálise e a Filosofia. Ao fazê-lo, evidencia que a história e as memórias acerca da última ditadura brasileira serão percorridas por muito tempo. Como será o passado? tem todos os atributos para se tornar leitura obrigatória para aqueles que desejarem percorrê-las. E assim será. (Alessandra Gasparotto)

Autor: Caroline Silveira Baue- Ano de publicação: 2017 Área: História

Fundada em 2009, é uma editora voltada para a publicação de conteúdos científicos de pesquisadores; conteúdos acadêmicos, como teses, dissertações, grupos de estudo e coletâneas organizadas, além de publicar também conteúdo técnico para dar suporte à atuação de profissionais de diversas áreas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.