Cultura,  Estudantes,  Institucional,  Notícias Acadêmicas,  Pesquisadores,  Professores

LEITURAS AFRO- BRASILEIRAS – RESSIGNIFICAÇÕES AFRODIÁSPORICAS DIANTE DA CONDIÇÃO ESCRAVIZADA NO BRASIL

O livro “Leituras Afro-Brasileiras – Ressignificações Afrodiaspóricas diante da Condição Escravizada no Brasil”, do professor Ênio José da Costa Brito, é um volume que traz as reflexões do autor sobre as diversas culturas africanas e a produção historiográfica da diáspora afro-brasileira.

O primeiro volume das reflexões é mais um lançamento da editora Paco Editorial e já está a venda nas melhores livrarias do Brasil. Você também pode comprar o livro pela internet!

Sobre o livro

Do professor Ênio José da Costa Brito, “Leituras Afro-Brasileiras – Ressignificações Afrodiaspóricas diante da Condição Escravizada no Brasil” é um livro com pouco mais de 200 páginas. O objetivo do autor nesse primeiro volume é mostrar algumas reflexões suas de vários anos, muito importantes para compreender as culturas africanas e a sua influência direta na cultura brasileira.

A produção do livro se deu mediante criteriosas leituras relacionadas às culturas africanas em diáspora (ou seja, que se deslocaram para o Brasil na época da escravidão), ouvindo diversos estudiosos sobre religiosidades afro-brasileiras e debatendo com mestrandos e doutorandos da Pós-Graduação em Ciência da Religião da PUC-SP.

No livro, Ênio José da Costa Brito, um dos grandes teólogos brasileiros de religiões comunitárias afro-ascendentes com grupos populares, também apresenta densas resenhas de estudos sobre o escravismo no Brasil, assim como as práticas de levar adiante as tradições orais africanas, muitas vezes silenciadas. É a partir dos seus textos que podemos pensar as singulares relações existentes entre senhores e escravizados, o que delineava diversos tipos de racismo cultural.

Além do mais, o autor propõe um olhar analítico-crítico sobre a produção historiográfica da diáspora afro-brasileira a partir de três referências fundantes: um olhar atlântico, que deseja relacionar suas duas margens; um gesto decolonial, que acolhe a contribuição da Teoria Pós-Colonial; uma dimensão ético-política, que traz para primeiro plano a experiência dos negros escravizados e de seus descendentes no Brasil, como protagonistas históricos que contribuíram e continuam a contribuir para a formação do ethos do país, dimensão que não pode mais ser silenciada ou diminuída.

O livro “Leituras Afro-Brasileiras – Ressignificações Afrodiaspóricas diante da Condição Escravizada no Brasil” é indicado para estudantes, professores, pesquisadores, especialistas, historiadores e para todos aqueles que se interessam pelo tema.

Sobre o autor

Ênio José da Costa Brito, autor do livro “Leituras Afro-Brasileiras – Ressignificações Afrodiaspóricas diante da Condição Escravizada no Brasil”, nasceu na cidade de Virgínia, em Minas Gerais.

Possui graduação em Teologia pela Pontifícia Universidade Gregoriana (1972), graduação em Filosofia pela Faculdade Nossa Senhora Medianeira (1966) e doutorado em Teologia pela Pontifícia Universidade Gregoriana (1979).

Tem experiência na área de Teologia, História e Antropologia e, nos últimos anos, tem se dedicado a pesquisar o imaginário religioso brasileiro, com ênfase nas matrizes indígenas, afro-brasileiras e populares, priorizando as mediações culturais.

Atualmente, é Professor Titular do Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião da PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) e professor do Instituto São Paulo de Estudos Superiores Itesp.

Além disso, é Vice Coordenador do Centro de Estudos Culturais Africanos e da Diáspora, além de possuir Pós-Doutorado em História, pesquisa, religiosidade popular e religiões afro-brasileiras à luz da Teoria Pós-Colonial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *