SINGLE BLOG ARTICLE

A Paco Editorial disponibilizou em sua plataforma on-line mais uma obra inovadora e instigante, cujo título é Todos na produção: um estudo etnográfico das narrativas sônicas e raps em espaços urbanos populares. O livro, que possui 300 páginas, é de autoria de Luana Zambiano dos Santos.

Luana Zambiano é doutora em música pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, professora do departamento de Música da Universidade Federal do Pampa e pesquisadora do Grupo de Estudos da Música pertencente à mesma instituição. A autora pesquisa a temática de seu livro desde a graduação, que também é em Música, o que significa dizer que a obra é produto de uma larga experiência e de maturidade intelectual que foi conquistada ao longo do tempo.

A obra está dividida em cinco capítulos. No primeiro, a autora se debruça sobre a sua experiência em relação ao objeto de estudo que dá sustentação ao seu livro. Ela chama essa relação adquirida com o objeto de estudo de metamorfoses em campo.

Em outras palavras, isso significa dizer que a autora, como pesquisadora, se envolve e é envolvida no processo de pesquisa, metamorfoseando-se, ou seja, ela modifica o objeto de estudo e é também modificada por ele. Ainda que essa não seja a principal intenção da obra, ao tratar disso, ela confronta o pensamento positivista, o que a torna ainda mais interessante.

O foco do segundo capítulo é nos percursos sônicos. Valendo-se da etnomusicologia como método, a obra se desenvolve tendo como condutores técnicos a observação e os relatos sônicos dos moradores da Cohab (conjunto habitacional), espaço escolhido pela autora para o desenvolvimento da pesquisa que fundamenta o seu livro.

Com um ouvido clínico, Zambiano descortina a rotina sônica dos moradores da Cohab, detalhando com esmero cada som que vibra naquele lugar, dos sons mais tímidos aos mais agitados.

O terceiro e o quarto capítulos são direcionados para uma abordagem sônica alinhada à diversidade cultural, às dimensões sônicas fora da escala ou da norma e às mesclas sônicas do campo de pesquisa com os seus atores sociais. Tem-se aqui uma oportunidade de conhecer a dimensão sônica em sua relação com os aspectos multiculturais que fazem parte de um lugar.

Pensar o lugar urbano popular como uma mistura de ritmos, de narrativas sonoras em disputas e de narrativas sonoras afetivas é o que dá fôlego ao quinto capítulo.

Todos na produção é o pontapé inicial para quem deseja abordar e analisar objetos de estudos que busquem relacionar narrativas sônicas e espaço urbano.

Ela nos faz pensar e refletir sobre como a música e a dinâmica sônica do dia a dia é reveladora, tanto do ponto de vista social como cultural, identitário e comunitário.

É leitura sugerida não só para os estudiosos da etnomusicologia, mas também para os estudiosos da antropologia e da sociologia do cotidiano.

RELATED POSTS

História de Salvador Allende no Cinema de Patricio Guzmán

Postado em 20 de agosto de 2018

Manual Jurídico da Escravidão: Império do Brasil.

Postado em 18 de junho de 2018

Livro sobre gestão da comunicação será lançado na Aberje

Postado em 13 de Abril de 2018

As Relações Diplomáticas entre Brasil e Uruguai (1931-1938)

Postado em 23 de Março de 2018

Comércio Exterior

Postado em 10 de Março de 2018

Os Carnavais Cariocas

Postado em 5 de Março de 2018

Introdução à Sociologia da Juventude

Postado em 20 de Fevereiro de 2018

Um Maravilhoso Imaginário

Postado em 16 de Fevereiro de 2018

O Perfil do Gestor de Comunicação

Postado em 13 de Fevereiro de 2018

Modernidade em Desalinho

Postado em 10 de Fevereiro de 2018

Mercado Central

Postado em 8 de Fevereiro de 2018

O itinerário pioneiro do urbanista Attílio Corrêa Lima, de Anamaria Diniz

Postado em 12 de Janeiro de 2018

Livro da Paco Editorial é um dos premiados no 59º Prêmio Jabuti!

Postado em 1 de dezembro de 2017

Bem-vindo ao blog da Paco Editorial.

Postado em 19 de novembro de 2016

Comentários

Tem 0 Comentar post

ADD YOUR COMMENT